Ir direto para menu de acessibilidade.
Acesse o canal do servidor
Início do conteúdo da página
PRATA DA CASA ESPECIAL - DIA DO SERVIDOR

Emoção, dedicação e resultado têm passe livre no Ministério. Conheça esta história!

Publicado: Sexta, 27 de Outubro de 2017, 14h15 | Última atualização em Quinta, 04 de Janeiro de 2018, 16h47

Para homenagear todos os servidores da pasta pelo Dia do Servidor o Público, que acontece neste sábado, 28 de outubro, reestreia a coluna Prata da Casa, contando parte da história do servidor Marciano Roberto, coordenador do Programa Passe Livre.


Tem gente que leva trabalha para casa. Outras chegam a carregá-lo no coração. Poderia parecer um exagero, pois o trabalho é uma fonte de recursos para o sustento. Mas quando o seu trabalho edifica e ajuda a transformar vidas, ele se transforma em uma missão. Para Marciano Roberto, de 40 anos, todos os dias são diferentes preocupações, diferentes vidas para cuidar. Ele é coordenador do Programa Passe Livre do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil. Seu trabalho garante passagens interestaduais gratuitas a 200 mil brasileiros portadores de deficiência física carentes.


A trajetória de Roberto, como prefere ser chamado, começou em 2007, na Coordenação Geral de Modernização e Organização (CGMO). Trabalhador, interessado e muito responsável, ele foi adquirindo experiência até chegar, em agosto de 2015, à coordenação do Passe Livre.


librasRoberto fez questão de entender toda a dinâmica do setor, integrando-se à equipe. Observou a realidade dos usuários e requerentes do benefício. Emocionou-se diversas vezes pelas histórias de vida. Rapidamente, identificou que, para atender melhor ao seu público, composto em grande parte por deficientes visuais e auditivos, seria imprescindível aprender a linguagem de sinais (Libras).


”Tive que me dedicar muito ao assunto e entender, tanto a causa, quanto a quem eu iria atender, além do serviço que eu ofereceria. Foi assim que comecei a me doar cada vez mais por esse programa e procurar oferecer, dentro das possibilidades, a melhor estrutura aos servidores que compõe a equipe, para que pudéssemos desempenhar nossos papéis da melhor maneira”, relata.


Hoje, Roberto lidera sua equipe e sempre está presente também no contato direto com o público. Em muitos momentos, ele utiliza Libras para se comunicar com os usuários, o que facilita o atendimento. Atualmente, são mais 14 demandas mensais pelo benefício.


Uma das conquistas de Roberto para a sua equipe foi o curso de Libras. Todos participaram transformando os atendimentos, que, além de mais ágeis, ficaram mais humanizados.


equipe passelivreRECONHECIMENTO - À frente do setor, Roberto é reconhecido por sua competência e querido por sua empatia ao tratar cada colaborador e requerente da forma mais respeitosa e atenciosa. Segundo os colegas, sua postura contribui para que o local seja harmonioso e a equipe se mantenha empenhada a atender as demandas. Com esse intuito, o coordenador está sempre procurando recursos para oferecer novas oportunidades de aprendizado e crescimento para a equipe, o que reflete diretamente na qualidade do atendimento.


O servidor do Programa há oitos anos, Aguinaldo Mignot, que já esteve no cargo de coordenação, conta que Roberto procura sempre estar a par  do que acontece em todos os setores do Passe livre, da triagem até a expedição do documento. “O Roberto gosta de trabalhar e de executar. Ele entende a importância do Passe Livre como um programa social do Ministério e trabalha, juntamente com sua equipe, para que a ferramenta seja cada vez mais eficiente”, afirma.


EMOÇÃO - Ao relatar as experiências, Roberto chega até a se emocionar. “O meu dia-a-dia é atender as pessoas carentes e com necessidades especiais que veem no Passe Livre uma oportunidade de acessibilidade na vida delas. Nós recebemos cidadãos de todo o país aqui. Elas acreditam no nosso trabalho, e nós nos empenhamos para oferecer o serviço que elas têm direito.”


Para celebrar o Dia do Dia do Servidor, Marciano Roberto deixa também o seu recado: “O serviço público precisa de um líder à frente de um setor. Entretanto, as conquistas só são possíveis por essa soma de forças e muito trabalho que todos executamos em prol dos cidadãos”.
Parabéns, Roberto! Parabéns, servidores!

Comunicação Interna/MTPA

registrado em:
Fim do conteúdo da página